Quinta da Biaia 750 2019

Quinta da Biaia 750 2019

9,99 €
750ml
Beira Interior, Portugal Tinto Quinta da Biaia Rufete, Touriga Franca, Touriga Nacional
Cor rubi pela vinificação de uvas tintas, tem notas de frutos vermelhos e final frutado e intenso
- +
Em stock
SKU
56.020
Entregas gratuitas (encomendas superiores a 50€)
Entregas rápidas em 48 horas (encomendas efetuadas até às 11h)
Pagamentos 100% seguros

Vinificação: Uvas frescas no seu ponto ideal de maturação, apanhadas à mão para caixas de 20 kg, são transportadas para a adega onde foram sujeitas a uma criteriosa escolha manual, desengace,suave esmagamento Fermentação por casta, em inox,estagia em barricas de carvalho francês, durante 12 meses

Consumo: Pronto a consumir desde já, ou nos 24 meses seguintes

Ficha técnica:

Casta
Casta

Rufete, Touriga Franca, Touriga Nacional

Região
Região

Beira Interior, Portugal

Colheita
Colheita

2019

Produtor
Produtor

Quinta da Biaia

Tipo de vinho
Tipo de vinho

Tinto

Teor alcoólico
Teor alcoólico

13

Servir a
Servir a

16 a 17

Capacidade
Capacidade

750ml

Enólogo
Enólogo

Luís Leocádio

Sobre a região

Beira Interior

É a região mais montanhosa de Portugal continental, compreendendo algumas das serras mais altas do País.
O clima sofre de uma influência continental extremada, com importantes variações de temperatura, verões curtos, quentes e secos, e invernos prolongados e muito frios.

Os solos são maioritariamente graníticos, com pequenas manchas de xisto e, embora pouco comuns, manchas arenosas.

A Região Vitivinícola da Beira Interior (IGP Terras da Beira) divide-se em três sub-regiões, Castelo Rodrigo, Pinhel e Cova da Beira. Castelo Rodrigo e Pinhel, apesar de se encontrarem separadas por cadeias montanhosas, partilham características semelhantes. Mas a Cova da Beira é diferente, estendendo-se desde os contrafortes da Serra da Estrela até ao vale do Tejo, a Sul de Castelo Branco.

As castas brancas predominantes são o Arinto, Fonte Cal, Malvasia Fina, Rabo de Ovelha e Síria, enquanto nos tintos prevalecem o Bastardo, Marufo, Rufete, Tinta Roriz e Touriga Nacional, com presença regular de vinhas muito velhas.
 
Na região das Beiras, o início da cultura da vinha remonta à época romana. Existem diversos lagares talhados nas rochas graníticas que serviam para produzir vinho.

 

Ver produtos da região